Domingo, 29 de Junho de 2008

Julgamento Podemos?

Atenção: Para ler todas as matérias que já foram postadas no blog, vá até o final desta página.

 

 

Podemos julgar?  Leia abaixo a opinião do Pastor Carlos André

 

 

  

 

Há muito gostaria de escrever sobre este assunto, que me deixa até certo ponto impressionado, de como um povo é tão facilmente escravizado. Por falta da leitura Bíblica, os falsos mestres estão cada vez mais destruindo e usando uma mão de obra escrava, para tirar proveito para os seus próprios interesses (2Pe 2. 1-4). Já cansei de ouvir pessoas repetindo esta frase: Não podemos julgar ninguém! Jesus disse: “Não julgueis, para que não sejais julgados” (Mt 7:1). E eu digo: É isso mesmo, está certo! Não se pode julgar ninguém! Mas JESUS disse, também: “Pelos seus frutos os conhecereis.” (Mt 7:16) Por isso, quando digo que determinados lugares não são igrejas, as pessoas que não lêem a Bíblia e se lêem, não se preocupam em pesquisar (Jo 5:39), ficam horrorizadas. Eu não posso julgar com as minhas palavras! Pois se isso fizer, sou eu quem está julgando! Mas se repito o julgamento de JESUS, que está fazendo com as Suas próprias palavras, que julga a mim e a todos, não sou eu quem está julgando, é Ele que está julgando, o Senhor e Juiz.

Por isso amado leitor veja bem, se Você concordar com o que as pessoas estão fazendo e ensinando por ai, tais como: correntes, objetos “ungidos”,  fogueira “santa”, corrente do descarrego (que é derivado da magia negra, pois servem ao mesmo deus, satanás), e coisas como estas, as quais o JESUS da Bíblia que não está nestas práticas e nunca ensinou ou mandou faze-as, com certeza, você está a caminho do inferno.
Amado leitor minha intenção e o objetivo desse estudo, é que você pense. Não estou pedindo que você concorde comigo, mas que você pense. Só isso! Porque é isso que os Falsos Mestres não querem que você faça. Eles não querem que você examine as Escrituras para não descobrir que o que eles mandam e ensinam JESUS nunca mandou fazer ou ensinar. E também fica aqui o meu desafio a você: que encontre em Mateus, Marcos, Lucas e João, JESUS, o JESUS da Bíblia, mandando alguém praticar algumas destas coisas abomináveis citadas acima. Então, quando digo que são servos do diabo, todos os que praticam tais coisas, eu posso provar nas palavras de JESUS. Mas será que eles podem provar nas palavras de JESUS, que esses ensinamentos (correntes, objetos “ungidos”, fogueira “santa”, corrente do descarrego), venham de DEUS?

Esses lugares que tem nome de igreja, aparência de igreja, mas que são templos de satanás na terra, estão destruindo e matando vidas de uma maneira tão terrível, que o povo está sendo destruído com a Bíblia na mão. Pois, infelizmente, não se interessa em abrir e comprovar se o que está sendo ensinado vem das Santas Escrituras.
Eles dizem que “você não precisa ler a Bíblia, pois a letra mata”. Nem sabem o que isto significa! Distorcem toda a Escritura. Estão, cada vez mais, destruindo o povo que é guiado por cegos espirituais. Eles enxergam muito bem as riquezas deste mundo, pois tem a mesma visão de seu pai - o diabo, de quando ofereceu em (Mt 4:8,9), as riquezas deste mundo a JESUS. Por isso eu digo: Quando você julga com as tuas palavras, está errado, não se pode julgar ninguém! Mas quando você repete o julgamento de JESUS, com as palavras que Ele já fez a respeito destas coisas, mostra que você, verdadeiramente, é crente e servo de um DEUS Vivo e Verdadeiro.

Em (1 Jo 3:8), diz que: JESUS se manifestou para desfazer as obras do diabo. E onde elas estão hoje? Dentro de lugares com aparência de igreja, nome de igreja, mas verdadeiros sepulcros caiados, cheios de podridões e heresias destruidoras.

Acorde meu amigo! Jesus falou que seriamos discípulos Dele se fizéssemos o que Ele manda. Eu disse: o que Ele manda! Não o que os homens mandam pela sua própria vontade, ganância e interesses próprios. Se enriquecendo as custas de um povo afastado de DEUS e que pensa que tem DEUS. Pois se acostumaram a um falso “evangelho” de ilusões, de conquistas das coisas terrenas. As mesmas que em (Mt 24:35), JESUS disse que passariam.
Se quiser, tudo pode ser diferente na sua vida a partir de hoje. Só depende de você! Basta você se submeter à Palavra de DEUS, a do DEUS único - o da Bíblia e ser uma nova criatura (2Co 5:17). Assim, realmente estarás a caminho do Céu.

Que a graça do DEUS Vivo esteja na sua vida.

Pr. Carlos André

 

publicado por: Novo Evangelho às 00:23
link do post | Deixe seu comentário | favorito
2 comentários:
De Ev. Vagner a 4 de Outubro de 2008 às 05:45
Desculpe, mas meter o pau no trabalho dos outros não é bom fruto... O que mais impressiona é a meneira como se comenta dessas igrejas, com uma propriedade como se vivesse lá dentro... Paulo disse:

·I CORINTIOS (cap. 9)·
22 Fiz-me como fraco para os fracos, para ganhar os fracos. Fiz-me tudo para todos, para por todos os meios chegar a salvar alguns...

Falta muito respeito, pois por questões doutrinarias ninguem será salvo ou julgado...

Lembrando a deixa de Jesus:

41 Então dirá também aos que estiverem à sua esquerda: Apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o Diabo e seus anjos;
42 porque tive fome, e não me destes de comer; tive sede, e não me destes de beber;

A razão que nos faz diferentes do que entrão no céu, e que ao invés de cuidar do trabalho ministerial dos outros, deveriamos é cuidar do que tem fome!!!!!!!

De Carlos Roberto a 10 de Junho de 2009 às 17:42
NÃO JULGUEIS...
CRITICAR PODE?

“NÃO JULGUEIS PARA QUE NÃO SEJAIS JULGADOS. POIS, COM O CRITÉRIO COM QUE JULGARDES, SEREIS JULGADOS E COM A MEDIDA COM QUE TIVERDES MEDIDO, VOS MEDIRÃO TAMBÉM”
Mateus 7: 1 e 2

O texto usado precisa ser olhado dentro de contextos que começam afirmando: "Somente deveis portar-vos DIGNAMENTE conforme o EVANGELHO de Cristo..." - Filipenses 1 :27. Não podemos utilizar a humildade para “escondermos” coisas que contrariam princípios estabelecidos nas Escrituras. A exortação de Paulo é clara quando recomenda um comportamento digno fundamentado nos Evangelhos, o que tem sido um peso para muitos hoje, afinal aceitar como práticas que violam o culto e a relação de intimidade do homem com Deus tornou-se uma prática comum hoje e quando alguém “CRITICA” logo vem a idéia de que este está querendo ser melhor que os demais. A coisa não é bem assim, precisamos tem coragem para apontarmos os erros sim, afinal o Evangelho a cada dia está sendo “ridicularizado”, sendo usado para “fins comerciais” enquanto milhões estão sendo enganados por uma religiosidade vazia e sem compromisso com Deus.

O Evangelho precisa ser respeitado, precisa voltar as origens e resgatar a sua “CREDIBILIDADE”, do contrário... A Bíblia diz: "Tudo que é honesto, tudo que é verdadeiro, tudo que é justo, tudo que é puro, tudo que é amável, tudo que é de boa fama...” - Filipenses 4:8. Tudo isto está sendo deixado de lado dando lugar a uma religiosidade formalista voltada para o “materialismo provinciano” e a satisfação das necessidades do corpo e não da alma.

A questão é que quando a “RAZÃO” é evidente não há como contestá-la ou abandoná-la, até porque seria omissão e ela por si só é pecado. Os fracos “escondem-se” ou “recusam-se” a manifestar as suas posições, muitos por comodidade outros por falta de firmeza nos argumentos. Não acreditar que somos o melhor, é ver que o melhor está sendo distorcido - no caso da religião - para atender a interesses que não contribuem para o fortalecimento do Reino de Deus.

“CRITICAR”, quando envolve questões de fé, em hipótese alguma significa se “IMPOR” como maioral, sabichão ou como superior, antes, demonstra coragem já que o que está em jogo envolve a coisa mais preciosa para Deus, a alma do cidadão.

Parece, pelos rumos que o cristianismo tomou, que ninguém pode mais fazer qualquer “CRÍTICA” a comportamentos distorcidos, a práticas não recomendadas ou a regras institucionais religiosas, pois estaria querendo se sobrepõem sobre os demais mesmo que tais situações estejam comprometendo a verdade imutável registrada na Bíblia Sagrada. E como os líderes “evangélicos” têm medo de serem criticados, alguns inclusive ameaçam recorrer à justiça para se verem livres de comentários que não lhes agradem. Esclareço que “EVANGÉLICOS” no caso, engloba no meu conceito, todos os que vivem da exploração materialista e comercial da fé hoje.

O texto trata da humildade, mas “não proíbe” ou faz qualquer alusão a não fazermos “CRÍTICAS” contra atos que fujam do estabelecido nos ensinos apostólicos. Se não há um comportamento digno, se não há respeito ao Evangelho, se não há fidelidade no que é pregado é obvio que alguém precise levantar a voz e questionar os interesses e os objetivos de quem assim comporta. O contexto nos recomenda que: “Para que aproveis as coisas excelentes, para que sejais sinceros e sem “ESCÂNDALO” algum...- Filipenses 1:10. Se há comportamento que evidencia “ESCÂNDALO” ou algo semelhante obviamente que alguém irá condenar o que não significa superioridade, mas RESPONSABILIDADE.

Diante de toda esta celeuma envolvendo o meio “evangélico” fica evidente que a “crítica” é necessária para coibir a ação de aventureiros, exploradores e de mercenários que hoje vivem unicamente na busca frenética de aumentarem seus impérios religiosos, de mostrarem quem é o maior e que tem mais “PODER(?)” para resolverem os “PROBLEMAS DOS OUTROS”, já que os seus eles não têm capacidade para tal... A briga religiosa e a disputa com a concorrência é até imoral.

Carlos Roberto Martins de Souza
crms2casa@otmail.com

Comentar post

.Translation

.Contador

online

Free Web Counter
Bed and Bath

.Matérias do Blog

. Apóstolo Estevam diz: Est...

. Protesto na Marcha para J...

. Jovens com propósito

. Você está disposto(a) à e...

. Blasfema em pensamento, p...

. Levitas: É Bíblico?

. Sexo Anal e oral entre ca...

. Pastor Solteiro?

. O "perigo" da bíblia

. Vida Espiritual

. Basta Acordem

. Líder da Assembléia de De...

. Quem ama espera

. Perguntas Evangélicas

. Uma vez salvo sempre Salv...

. Não dar o dízimo

. Fome e Sede de Justiça

. Salomão e Eclesiastes

. Entrevista: Toque no Alta...

. Os 4 batismos

. Jovens Evangélicos: Difer...

. Débora, a pastora

. Dízimo e o NT

. "Perseguição contra a Ren...

. Mensagem do Apóstolo Hern...

. Religiosidade

. Vivendo o novo

. Apostólico e Unção apostó...

. Motel, posso ir?

. Depois da tempestade

. A dor do amor

. O natal sem a pessoa amad...

. Não entre na onda dos out...

. A Droga é melhor?

. Cristão Extravagante

. Perguntas e Respostas

. Servos ou Filhos?

. Perdão

. Resposta "Tatoo" e Pierci...

. Várias denominações porqu...

. Seguir o Velho Testamento...

. Bebida alcoólica

. Piercing Não é Pecado II

. Ateus Deus Existe!

. Adivinhações é certo cons...

. Tragédias sinal de pecado...

. Deus admite o mal?

. Batismo no Espirito Santo

. Meu namoro é de Deus?

. Todos filhos de Deus?

.Links